Casas de campo rústicas para turismo

Você planeja construir uma casa de campo para atividades turísticas? Calma! Não faça nada antes de conferir o material que separamos para você.

Fique a saber um pouco mais acerca de casas de campo rústicas para turismo.

 

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

 

2014 é o ano da Copa do Mundo no Brasil, evento que tem movimentado todo o setor turístico do país. Várias empresas já se planejaram para extrair as melhores vantagens dessa competição, que só ocorre a cada quatro anos.

Mas o que você pode aprender com isso? Esse exemplo que citamos é importante para destacarmos que, se você pretende trabalhar com o ramo de turismo, é essencial saber controlar seu tempo e fazer planejamentos em longo prazo.

Esses fatores são importantes para lembrá-lo de não fazer a sua casa de campo rústica com pressa, porque esse tipo de construção – apesar de ser prática – exige atenção ao acabamento e aos detalhes.

Por isso, separamos abaixo os principais cuidados e vantagens das casas de campo rústicas para turismo. Confira:

1. Arquitetura única

Muitas redes de hotéis adotam um padrão, que raramente é quebrado. Isso significa que o tamanho dos quartos, a disposição das camas, a localização do banheiro e até as cores das paredes é a mesma, não importa em qual cidade você se encontra.

E é nesse tópico que se destacam as casas de campo rústicas, focadas no turismo: como a construção é quase artesanal, em nenhum outro lugar você ficará hospedado em um lugar como aquele.

Hóspedes e turistas valorizam muito locais únicos. Além de ser o destaque na sua região, você ainda poderá ganhar divulgação espontânea, a partir de fotos que os usuários compartilham nos sites de turismo e redes sociais.

2. Potencial construtivo

Não é complexo o tipo de construção de uma casa rústica de campo para turismo. Ou seja: o projeto costuma ser simples, com um ou outro detalhe mais elaborado.

A vantagem, então, é que você não fica preso ao que já construiu. Por exemplo: se no terreno existe uma casa rústica pequena, você pode ampliá-la, para oferecer maior conforto e espaço aos turistas.

Isso é possível porque o material da construção é madeira, fazendo com que as edificações fiquem parecidas entre si.

Dessa forma você consegue aproveitar todo o potencial construtivo do terreno, com a possibilidade de ampliar o tamanho das suas construções de acordo com o movimento que você recebe.

 

3. Valor da obra e tempo de construção

Se compararmos as casas rústicas de madeira com as tradicionais casas de alvenaria, veremos que o primeiro grupo oferece preços mais atraentes.

A explicação é que a matéria-prima é mais barata, além da construção exigir menos mão de obra. Em alguns casos não é necessário nem pregos ou parafusos, porque as tábuas se encaixam no padrão macho-fêmea.

Por último, vale destacar o tempo de construção, que é menor. Os encaixes que mencionamos acima economizam bastante horas de trabalho.

No entanto, vale ficar atento à previsão do tempo: chuvas costumam atrasar a programação da obra, além de poder estragar a madeira. Para evitar que as tábuas apodreçam antes da construção, guarde-as em um local seco e quente.

 

Com essas dicas com certeza você surpreenderá seus turistas, na sua casa rústica de campo. Mãos à obra!

2 comentários

Deixe a sua opinião