Casas pré-fabricadas certificadas com ENERGY STAR

As casas pré-fabricadas são construídas no ambiente controlado de uma fábrica e posteriormente transportadas para o terreno do proprietário em camiões. São também construídas segundo rigorosos códigos de construção, que muitas vezes lhes permitem ter uma eficiência energética mais elevada, melhor até que a das casas construídas através de métodos tradicionais.

Contudo, algumas casas dispõem de certificação ENERGY STAR, um padrão internacional para o consumo eficiente de energia originado nos Estados Unidos, mas que é também aplicado por outros países do mundo, incluindo a União Europeia.

 

 

Para que uma casa receba o certificado de ENERGY STAR tem de atender às diretrizes rigorosas de eficiência energética da EPA. Este tipo de casas podem ser até 15% mais eficientes em termos energéticos que outro tipo de habitações, podendo dispor também de outro tipo de funcionalidades que lhes permitem aumentar essa eficiência para 20 a 30%.

É durante o processo de fabricação que são adotadas as primeiras medidas para que estas casas pré-fabricadas venham a atingir os critérios necessários para serem certificadas ao mais elevado nível de eficiência energética. Contudo, como proprietário / construtor da casa vai ter também de acrescentar no local da construção mais algumas funcionalidades que permitam completar a aquisição desta certificação de ENERGY STAR.

Entre as funcionalidades extra que poderá ter de optar destacamos as seguintes:

  • Isolamento eficaz. É verdade que a casa já vem preparada de fábrica com bom isolamento, mas durante a montagem da casa no terreno é também necessário isolar bem a zona do telhado,  por exemplo, ou a área da cave.
  • Uma casa bem selada é sem dúvida mais eficiente. Fugas de ar podem surgir até nos locais mais improváveis, como é o caso de tomadas, respiradouros e até junto de persianas e estores embutidos diretamente nas paredes. Por isso, uma casa bem selada melhora o conforto e a qualidade do ar interior, reduzindo custos com energia e manutenção.
  • Equipamento de arrefecimento e aquecimento eficiente. Para além de usarem menos energia para funcionar, estes sistemas de elevada eficiência energética de aquecimento e arrefecimento podem ser mais silenciosos, reduzir a humidade interna e melhorar o conforto geral no interior da casa.
  • Janelas de elevada eficiência. Janelas que permitam um bom isolamento e evitem fugas, contenham camadas protetoras e fáceis de instalar vão ajudar a manter uma temperatura estável no interior da casa durante todo o ano. Este tipo de janelas também ajudam a bloquear os raios ultra violeta nocivos, que acabam por fazer perder a cor de tapetes e mobiliário diverso.

Todas estas particularidades das casas certificadas com ENERGY STAR não só vão permitir-lhe ter uma casa com elevada eficiência energética, como também vão contribuir para a valorização da própria casa, face a outro tipo de construções mais convencionais.

Deixe a sua opinião