Guia para habitação modular

Uma casa modular é construída em seções  numa fábrica. Aliada a esta vantagem, ao mesmo tempo que a fabricação dos diversos módulos se desenvolve, o local onde irá ser montada é cuidadosamente preparado, de forma a acelerar ainda mais a sua construção e encurtando o tempo necessário para ser entregue ao futuro proprietário e ficar pronta a habitar.

Nos últimos anos os materiais de construção das casas modulares sofreram uma enorme evolução e neste momento muitas destas habitações já são moradias de primeira habitação e já fazem parte da paisagem das grandes cidades. Para isto em muito contribuíram as flutuações dos preços imobiliários e da economia, que obrigam as pessoas a procurar opções diferentes quando compram ou constroem uma casa.

 

 

Mas ainda hoje existem alguns dúvidas acerca deste tipo de construções. Por isso, resolvemos elaborar um guia claro para que possa esclarecer algumas das dúvidas mais frequentes acerca da habitação modular.

A diferença entre modular e fabricada

O termo casas “pré-fabricadas” pode referir-se aos edifícios construídos por componentes como módulos (casas modulares) ou secções transportáveis (casas fabricadas). Embora à primeira vista este tipo de construções pareçam em tudo semelhantes, a verdade é que existem alguns características distintas que as diferenciam.

As casas modulares são casas, como já referimos, construídas em seções, posteriormente transportadas para o local em que irá ser efetuada a sua montagem. São encaradas como uma casa de construção normal, ou seja, regem-se pelas mesmas regras em termos de financiamento, avaliação e fins de construção. Embora as secções da casa sejam pré-fabricadas são erguidas no local de construção, de forma muito semelhante ao processo de uma casa tradicional. Por outro lado, as casas fabricadas são construídas com vigas de aço, e são transportadas em secções completas, para o local de construção.

Planos e modelos

As casas modulares estão disponíveis em muitos estilos e modelos semelhantes aos que são utilizados para a construção tradicional. Em tudo se assemelham, por isso, tanto em qualidade como aparência com uma casa construída no local através de métodos tradicionais. Entre os modelos mais populares de planos estão as casas modulares de dois pisos e aparência mais tradicional, mas hoje em dia já começam a ser procurados modelos de casas modelares personalizados, mais modernos e até de luxo, como é o caso das mansões modulares.

Financiamento

O financiamento das casas modulares é em tudo semelhante ao financiamento efetuado para as casas e edifícios tradicionais. As casas modulares podem ter uma taxa de juro fixa ou taxa de juros variável ao longo de todo o empréstimo, sendo também possível financiar uma elevada percentagem do valor, embora esta hipótese não seja  a mais recomendada. Muitos fabricantes de casas e edifícios modulares também oferecem opções internas de financiamento.

Frequentemente os fabricantes de casas modulares exigem a totalidade do pagamento da habitação no acto de entrega e montagem dos módulos, sendo por isso aconselhável que pesquise previamente várias empresas de financiamento para encontrar a que melhor pode atender às suas necessidades pessoais e financeiras.

(Num próximo artigo iremos continuar a referir mais alguns aspectos fundamentais da habitação modular)

5 comentários

  1. TOINETE
  2. Elvira Burtet

Deixe a sua opinião