Casas de madeira econômicas

Quais as casas de madeira que oferecem os melhores preços? Quais cuidados você deve tomar na hora da compra? Confira a seguir os segredos que você precisa saber, para não errar na escolha.

 

casa-madeira-moderna

 

Casas de madeira historicamente sempre foram as opções mais baratas de construção. Basta lembrar que até a década de 30 mais de 60% das florestas do mundo estavam intactas, percentual que caiu hoje para 10%.

Ou seja: antigamente construíam-se muitas casas em madeira porque a oferta dessa matéria-prima era abundante e, claro, barata.

Depois de um tempo, no entanto, o acesso à madeira ficou difícil, devido ao crescimento dos movimentos de proteção ao meio ambiente, em conjunto com ações governamentais e políticas de preservação de florestas.

Foi nesse momento que as casas de alvenaria alcançaram o seu auge, havendo uma grande popularização do tipo de construção à base de tijolo e cimento.

Mas os fabricantes de casas de madeira não desistiram. Depois de muito pensar, eles conseguiram chegar a uma solução econômica, que abalaria o mercado.

A novidade trazida foi a da forma de construção pré-fabricada, a partir de madeira.

Sem nenhum impedimento legal, já que essas casas são feitas a partir de madeira certificada, as pré-fabricadas em madeira começaram a ganhar espaço.

Dentre os diferenciais, destacam-se três: tempo de construção da obra, facilidade de montagem e custo do projeto.

Nesse material focamos apenas na parte do dinheiro, e mesmo assim não faltará assunto.

Então, a pergunta que não quer calar: como as casas em madeira desse estilo são tão econômicas?

Ao utilizar blocos de madeira que já vêm prontos de fábrica, elimina-se muito trabalho e, consequentemente, mão de obra.

Basta imaginar que para erguer uma parede de alvenaria é necessário instalar os tijolos um a um.

Já na casa de madeira, basta apenas encaixar um bloco de tábuas de madeira para criar uma parede.

Como a fundação também é simples, feita a partir de aço ou concreto, a construção, nas etapas iniciais, acontece de maneira muito dinâmica.

Algumas empresas conseguem montar o esqueleto (como é chamada a estrutura que dá sustentação para a casa) em menos de dez dias de serviço.

Essa mesma etapa, em obras de alvenaria, pode durar de 30 a 40 dias. Ou seja: optando pelo sistema pré-fabricado de madeira, apenas no começo da obra, você já consegue economizar um mês de salário, que seria pago aos pedreiros da sua construção.

 

decor-casas-madeira2

 

A outra razão da economia é explicada pela ausência da necessidade de contratação de um arquiteto. Isso acontece porque muitas casas econômicas de madeira já vêm com um projeto pronto, no sistema pré-fabricado.

Isso significa que não precisará investir tempo nem dinheiro com o profissional que faria o planejamento estético e funcional da sua futura moradia.

E não precisa ficar preocupado: as casas disponíveis no mercado hoje são muito bem feitas, planejadas com muito capricho, visando sempre otimizar espaços.

 

Por último, as casas pré-fabricadas são a opção mais barata de construção em madeira porque dispensam acabamentos. Se você quiser, pode deixar a fachada com as tábuas expostas, já que esse estilo rústico está na moda.

Então, além de ganhar estilo você economiza com tintas, pincéis, pintores e tudo mais.

 

Que tal começar agora a construir a sua casa econômica em madeira? Boa obra!

Deixe a sua opinião