Casas modulares e construção “verde”

Existem duas razões muito importantes para pensar em construir uma casa denominada de “verde” (ou amiga do ambiente). A um nível mais pessoal, uma casa “verde” promove uma vida saudável, protegendo a sua saúde física e bem-estar emocional. A um nível mais global, uma construção de elevada qualidade assente em políticas” verdes”  contribui para um ambiente mais saudável, assim como a conservação do planeta e dos seus recursos.

Este tipo de casas verdes são construídas com produtos que são seguros para o ambiente e não tóxicos. Estes incorporam também características verdes que minimizam a acumulação de poluentes no interior da casa, humidade, e alergénios. Estas características verdes são importantes para a saúde da sua família, uma vez que os poluentes atmosféricos tóxicos são cinco vezes maiores dentro das nossas casas do que no exterior. Este design ecológico é também mais resistente ao aparecimento e crescimento de mofo e bolor. Por isso, não é de surpreender que uma casa construída através destes métodos verdes seja mais aconselhada para pessoas que sofram com asma ou alergias.

 

Uma casa “verde” é construída através de práticas sustentáveis​​, que dependem de recursos renováveis. Construtores que seguem estes código usam por isso a terra de uma forma que seja o mais sustentável possível, tentando reduzir o impacto da construção na vegetação natural do terreno, preservando assim as plantas nativas, árvores e natureza viva, ao mesmo tempo que se preocupam por exercer um paisagismo que conserva a água. Este tipo de construtores também tem por objetivo empregar eficientemente os recursos disponíveis, materiais de conservação e reduzir o desperdício ao máximo possível.

Para além de todas estas vantagens para o meio ambiente, você também tem benefícios com este tipo de construção, uma vez que irá poupar dinheiro, visto que a eficiência energética da sua casa irá permitir-lhe poupar muitos euros no final de cada ano.

As casas modulares “verdes”

A construção verde torna-se mais fácil, mais rápida e mais acessível quando se opta por fazer uso da tecnologia modular. Todos os fatores acima descritos são mais facilmente alcançáveis quando se procede à construção da casa num ambiente rigorosamente controlado de uma fábrica. Práticas eficientes de uma linha de montagem e procedimentos de controle de qualidade garantem esse resultado.

Ao comprar em maior volume, o custo dos produtos verdes necessários para criar um ambiente interior saudável fica também mais reduzido. Por outro lado,as práticas de produção em fábrica fazem um uso mais eficiente de toda a  mão de obra, materiais e energia utilizada.

Hoje em dia, as casas pré-fabricadas modulares são feitas, inclusive, com materiais reciclados e reutilizáveis como contentores, metal reciclado e madeira sustentável e certificada, sendo vistas por muitos como a melhor alternativa “verde” às denominadas construções tradicionais.

Um comentário

  1. Nivaldo l. oliveira

Deixe a sua opinião