Casas pré-fabricadas em Portugal

O mercado das casas pré-fabricadas em Portugal tem vindo a crescer e a implementar-se cada vez mais face a outro tipo de habitações, permitindo grandes desenvolvimentos no mercado das casas modulares e mesmo ao nível da arquitetura.

De seguida, vamos enumerar alguns casos de verdadeira inovação no mercado das casas pré-fabricadas em Portugal.

Casos de sucesso e inovação

Três arquitetos portugueses de Viana do Castelo, que pensam no futuro e não tiveram medo de ir mais além, ousaram elaborar soluções fora do convencional e criar uma opção que liga uma casa pré-fabricada personalizada e uma “cápsula” de 6 metros quadrados. Deste projeto resultou a ideia para uma habitação urbana.

O projeto despoletou o mercado das casas pré-fabricadas em Portugal, mas já faz sucesso em todo o mundo. As casas são de inspiração japonesa, constituídas por módulos, ficando prontas a habitar em apenas um mês e meio, a um preço médio de 39 mil euros. Já começaram a ser vendidas: são as casas pré-fabricadas em Portugal, conhecidas como Mima Housing.

mima_house

 

Os arquitetos, que já vieram revolucionar o mercado das casas pré-fabricadas em Portugal, e diga-se, além fronteiras, criaram este conceito com a intenção de disponibilizar o acesso a um produto com qualidade arquitetónica, a um preço reduzido e possível de edificar num curto espaço de tempo.

O preço da casa é convidativo: 36.900 euros por um módulo de 57m2 de área bruta, construído em dois meses. Os arquitetos realçam a diferença destas casas com as restantes pré-fabricadas, existindo uma maior possibilidade de personalização, pois o cliente poderá ser o arquiteto da sua própria casa e decidir sobre as divisões internas, paredes e janelas exteriores, bem como os acabamentos. A casa preserva-se como um organismo mutável, capaz de ser alterado pelo proprietário sempre que este assim entender. Isto porque o plano consiste em painéis desmontáveis e possíveis de alterar de lugar sempre que o cliente desejar.

Para além desta criação inovadora, o mercado das casas pré-fabricadas em Portugal tem-se desenvolvido principalmente com a madeira como material principal de fabrico e construção, permitindo que variadas empresas, pelo país fora mas principalmente no Norte, tenham desenvolvido a sua atividade neste sentido.

  • A Prefimat – Sociedade de Construções Fibras e Madeiras, Lda, fornecem casas em madeira tratadas em autoclave de primeira qualidade, apresentando uma grande resistência ao ataque de fungos e ao cupim-madeira-seca, o que confere uma grande durabilidade e ótima imagem.
  • A AME Internacional é uma companhia que se estabeleceu em Portugal há 30 anos e fornece casas pré-fabricadas em Portugal ao estilo canadiano, usando madeiras feitas na Escandinávia e que têm o teto coberto com telhas de cerâmica portuguesa. Estas casas pré-fabricada têm base de concreto e podem ter acabamentos de pedra ou granito, tornando-as numa excelente forma de viver nas paisagens portuguesas.A construção sólida mais leve, permite que as cimentações não necessitem de ser muito profundas, apresentando ainda um bom isolamento, tanto para o barulho como para a temperatura.
  • A Novo Habitat entrou no mercado das casas pré-fabricadas em portugal em 2006 e já apresenta dezenas de casas de madeira vendidas e instaladas, bem como no exterior, mais concretamente em África.

Deixe a sua opinião