Casas pré-fabricadas “verdes”: a versatilidade da construção modular

As casas pré-fabricadas, especialmente as construções modulares, têm vindo a tornar-se cada vez mais populares ao longo dos últimos anos. Com o rápido crescimento da fabricação de produtos considerados “verdes” e com a também crescente consciência das pessoas pela preservação do meio ambiente, o mercado das casas modulares tem visto a sua aposta em casas consideradas “verdes” dar frutos.

Hoje em dia, estas  casas construídas em fábricas são mais resistentes, amigas do ambiente e muito mais apelativas em termos de preço do que a maioria das casas que são construídas no local. Para além destas vantagens, poder ter uma casa sustentável, mais eficiente a nível energético, de design contemporâneo e com elevado grau de personalização, apresenta-se com uma enorme vantagem face ao mercado das casas construídas no local através de métodos tradicionais.

 

 

O interesse geral por este tipo de casas de construção modular tem vindo a levar ao aparecimento de novas opções de design, produtos inovadores e sistemas modulares mais avançados. Contudo, o objetivo das casas pré-fabricadas mantém-se o mesmo:  minimizar resíduos, maximizando a eficiência.

E esta é talvez uma das caraterísticas mais vantajosas para quem se preocupa em utilizar produtos que sejam sustentáveis e de materiais verdes. Uma vez que a construção de uma casa tem um enorme impacto sobre o meio ambiente, a escolha de uma casa pré-fabricada, construída através de materiais sustentáveis, torna-se numa alternativa viável e muito desejada face a uma casa tradicionalmente construída, cujo desperdício e contínuo uso de materiais, considerados mais poluentes, em nada contribui para alterar o rumo ambiental do nosso planeta.

Hoje em dia, as casas pré-fabricadas modulares são feitas, inclusive, com materiais reciclados e reutilizáveis como contentores, metal reciclado e madeira sustentável e certificada. Destacamos agora algumas das empresas que estão a desenvolver projetos nesta àrea.

Eco-Steel Homes

A empresa Eco-Steel Homes já opera neste mercado há mais de uma década e tem vindo desde cedo a concentrar os seus esforços no desenvolvimento de casas que usam 76% de aço reciclado, proveniente de veículos reciclados, aparelhos eléctricos e sucata industrial.

Os modelos da Eco-Steel não utilizam madeira, o que os torna resistentes a fungos e insetos. Os módulos são fabricados em fábricas e pré-isolados, tornando-os também muito eficientes a nível energético. As casas são ainda personalizáveis, podendo-se combinar os diferentes módulos de forma a criar a casa dos seus sonhos.

 

International Homes of Cedar

Em contraste com as casas modulares descritas anteriormente, a empresa International Homes of Cedar dedica os seus esforços em modelos mais rústicos e em madeira. No entanto, estas casas também são construídas a pensar no meio ambiente, com materiais reciclados e madeira proveniente de produções sustentáveis e certificadas. A madeira de cedro é extremamente durável e uma das melhores escolhas para a construção, devido à sua resistência à humidade, resistência a pragas e resistência térmica.

 

 

Modern Shed

Quando pensamos em estruturas pré-fabricadas a primeira coisa que nos vem à mente são casas. Contudo, existem outros tipos de estruturas disponíveis no mercado dos pré-fabricados. Com os preços do combustível cada vez mais altos, porque deslocar-se até ao seu escritório quando o pode ter tão perto de si, junto da sua casa? A Modern Shed permite-lhe mesmo isso. Os seus modelos de estruturas pré-fabricadas são perfeitas para escritórios, para além de serem alternativas coloridas, divertidas e amigas do ambiente, pois são construídas com “materiais verdes“, tanto no exterior como no interior da estrutura.

Um comentário

  1. Maria da Penha Amaral

Deixe a sua opinião