Casa pré-fabricada Moderna em Betão, na Galiza – por A-cero

Este projecto é tratado pelo escritório de arquitectura Espanhol bem conhecido, A-cero, na Galiza. A combinação de concreto e materiais de vidro são apresentados numa série de camadas que foi construído acima da íngreme paisagem da encosta que pode dar uma vista maravilhosa do exterior em todos os ângulos. Painéis expansivos de vidro desde o chão ao teto são ‘esticados’ entre as estruturas de concreto, convidando á vista para o exterior. As paredes exteriores e algumas das paredes interiores estão cobertas com travertino para melhorar a aparência da casa. Enquanto isso, o piso de madeira escura permite um contraste com o interior, todo branco. Quartos, casas de banho, um ginásio e uma garagem estão localizados na cave. A sala principal situa-se acima, com um piso plano, aberto que permite muita luz natural para iluminar todo o piso. Um terraço e solário são adicionados a este nível. A escada central liga esta casa de três andares e vai até o corredor do piso de vidro no nível superior. Minimalista é o conceito principal desta magnífica casa e todas as estruturas da casa, materiais e fundações revelam o carácter da arquitectura A- Cero.

Design Exterior da casa pré-fabricada, por Arquitectos A-cero na Galiza

A empresa de arquitectura espanhola A-cero, gerida por Joaquin Torres, construiu esta nova casa localizada num lote de 2.000m2 apresentando uma inclinação forte. O lote é delimitado pela estrada de acesso dos lados Leste, Norte e Noroeste, e por um precipício, na fronteira oeste, uma varanda natural com excelentes vistas sobre a costa Corunha.

O principal desafio do projecto é a inclinação do terreno, que é superado pela construção de uma cave aberta para o ponto de vista ocidental, contendo dois quartos com casas de banho próprias e armários, sala de ginástica e estacionamento. O nível inferior está aberto para os pontos de vista através de um terraço e solário livre de qualquer tipo de elemento arquitectónico que poderia interferir com as vistas.

A pureza das formas externas reflectem-se na estrutura da casa: um sistema de paredes de betão armado e estruturas de contorno aos volumes, criando um espaço livre interior, livre de colunas que podem alterar a sua escala. Com este princípio em mente, todo o trabalho de soluções construtivas trabalham na mesma direcção, removendo todos os elementos que possam destorcer a percepção directa do espaço, como rodapés, placas de cobertura, puxadores e alças. Esta ideia é reforçada pelo uso contínuo de uma fina camada de travertino, que cobre todas as paredes exteriores e, em alguns casos, as interiores, criando um contraste com os pisos de madeira escura que proporcionam uma sensação acolhedora e confortável á casa.

A solução interior segue uma distribuição funcional do espaço, coincidindo com os blocos de cruzamentos, por 3 andares. Os diferentes níveis são ligados por uma série de lances de escada, localizadas numa parte fixa do prédio e que termina num belo corredor com chão de vidro que liga com o nível superior.

2 comentários

Deixe a sua opinião