Guia para habitação modular (parte 2)

Os projetos de construção modular começam cada vez a tornar-se mais comuns à medida que os compradores também começam a interessar-se e a aprender mais sobre este tipo de habitações. Esta informação adquira pelo consumidor leva-o também a entender melhor o processo de construção.

Todo o processo de fabricação das casas modulares apresenta vantagens financeiras face ás casas tradicionais, quer seja através de um menor custo do trabalho, quer seja pela aquisição de materiais de qualidade em grandes volumes, o que diminui o custo, mas também possíveis prejuízos ou desperdícios inerentes de factores terceiros. São estas vantagens financeiras, aliadas à enorme personalização deste tipo de casas, que têm vindo a gerar o interesse de cada vez mais consumidores que procuram alternativas ás dispendiosas casas tradicionais.

Continuemos por isso a analisar mais alguns fatores determinantes da habitação modular.

Benefícios da habitação modular face à tradicional

O principal benefício da construção modular em relação à tradicional é que existe um controle de qualidade mais rigoroso. Cada componente de cada casa é fabricado exatamente da mesma maneira, todas as vezes que uma casa é encomendada ao fabricante. Os resultados de cada processo são depois inspeccionados várias vezes antes da casa sair da fábrica e transportada para o local de montagem. Adicionalmente, o facto da casa ser quase exclusivamente construída numa fábrica faz com que não existam preocupações em relação ao clima e que a sua construção não esteja sujeita a adiamentos de prazo devido a questões exteriores.

Por outro lado, um dos benefícios mais atrativos para os compradores de casas continua a ser o baixo preço deste tipo de habitações modulares. As casas modulares são menos caras que as casas tradicionais devido a enormes descontos em materiais e processos automatizados que ajudam a manter os preços mais baixos e a diminuir os custos de produção. Em alguns casos a poupança pode chegar a uns surpreendentes 30%.

Prazo de construção

O prazo que leva a construir uma habitação modular varia muito consoante o tipo de modelo e tamanho escolhido. Geralmente, o prazo de entrega ronda uma média de entre 8 a 14 semanas para a casa modular estar entregue e pronta a habitar. As casas modulares são entregues no local de montagem em que irão ficar permanentemente, com uma percentagem de construção já de 70 a 90%, sendo apenas necessário que um construtor local experimente neste tipo de habitações faça a sua montagem e a entregue finalmente ao seu proprietário. O facto de várias etapas de construção serem levadas a cabo em simultâneo, como é o caso de preparar o terreno e fundações ao mesmo tempo que a casa é fabricada, também permitem que se poupe bastante tempo.

Um comentário

  1. Vitoria

Deixe a sua opinião